Cariótipo de Restos Ovulares Com Banda G – CTR (Material de Aborto)

Indicação do Exame Indicação do Exame

Este exame é indicado para diagnosticar pacientes que apresentam abortos recorrentes, gestação anembrionada, mola hidatiforme parcial e antecedentes familiares de cromossomopatias.

Preparação do Paciente Preparação do Paciente

A coleta do material deve ser realizada em ambientes hospitalares ou ambulatoriais.

Coleta / Amostra Coleta / Amostra

Enviar preferencialmente o saco gestacional completo, caso não seja possível enviar o material colhido durante a curetagem.
Enviar a amostra preservada em frasco estéril (frasco coletor de urina) contendo soro fisiológico estéril (NaCl 0,9%).
Não aceitamos o feto inteiro nem partes do feto.

Estabilidade Estabilidade

A amostra deve chegar em até 24 horas após a coleta e deve ser mantida sob refrigeração (2° a 8°C). Após 24 horas a amostra vai perdendo a viabilidade, aumentando a possibilidade de um insucesso do cultivo celular.

Transporte da Amostra Transporte da Amostra

Deverá ser transportada em frasco estéril com meio ou NaCl 0,9% (amostral totalmente imersa). A amostra deve ser refrigerada em gelo reciclável, sem contato direto com o mesmo para evitar congelamento, que resulta na inviabilidade celular. Enviar junto o pedido médico e o laudo do ultrassom, bem como o formulário de requisição do Citogene preenchido. Faça o download abaixo.

Donwload requisição de exame

Método Método

Os cromossomos obtidos a partir de culturas de fibroblastos ou trofoblastos são analisados numérica e estruturalmente, utilizando a técnica de bandeamento G numa resolução de 400 - 550 bandas.

Prazo Prazo

28 dias.

Interferentes Interferentes

Aborto mantido por muitos dias, embalagens inapropriadas, prazo de estabilidade expirado, temperatura imprópria de transporte, amostra inadequada (presença somente de decídua e coágulos).
ATENÇÃO: Amostras que forem expostas ou conservadas em álcool ou formol não serão aceitas.

Limitações Técnicas Limitações Técnicas

Este exame não identifica pequenas alterações cromossômicas e mutações gênicas.
Podem ocorrer a presença de anormalidades cromossômicas devido à artefatos de cultura (falso-mosaicismo) em células da placenta, não estando presente nas células do feto (mosaicismo confinado à placenta).

Principais Doenças Relacionadas Principais Doenças Relacionadas

  • Síndrome de Down
  • Síndrome de Turner
  • Síndrome de Cri du Chat
  • Síndrome de Edwards
  • Síndrome de Klinefelter
  • Síndrome de Patau
Scroll Up